Não sei o que dizer

Hoje eu acho que mais do que nunca entendo quando dizem que existem perguntas que nunca serão respondidas.

Perguntas como:

“Por que ele deixou ficar assim tão sério para procurar um médico?”

“Por que nós não demos certo?”

“Por que elas simplesmente não conseguem se dar bem?”

“Como eles conseguiram conviver tantos anos brigando assim?”

“e porque? Deus, porque é tão difícil quando alguém nos deixa aqui e vai para o outro lado?”

Essas são perguntas que não podem ser respondidas, nem por terapeutas, nem por psicólogos, por ninguém.

Cada um escolhe uma forma de lidar com isso…. eu escolhi esquecer… escolhi não pensar muito nisso até um dia que os que se vão serão tão importantes para mim que não vou conseguir ignorar.

Até lá eu pretendo não pensar muito. Só pensar um pouco, porque viver intensamente é muito prazeroso, mas deveria ser feito com moderação. A sua vida é muito preciosa para você, mas principalmente para as pessoas que estão ao seu redor e que te amam muito.

Você sempre foi muito amado, fica em paz Jeff! Te amo!

Gi

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: