Dublin in a nutshell

É uma expressão em inglês que quer dizer: Dublin resumidamente. Não acho que vai ser um post resumido, mas uma grande amiga está mudando para Dublin e mesmo não estando lá eu quero muito ajudá-la com tudo que eu puder, então pensei em fazer um post com as coisas que estamos procurando aqui em Singapura e que podem ser úteis para quem está se mudando! 🙂

O post ficou BEM longo, mas eu adoraria ter uma leitura como essas quando eu cheguei em Dublin e aqui em Singapura. Falo sobre Supermercado, celulares, Bancos, cinema, transporte, roupas, aeroporto & viagens, cidade e restaurantes.

Mais uma dica geral, o site do e-Dublin é uma fonte inesgotável de boas dicas e MUITO entretenimento! A Mah e o Edu fazem tudo com muito amor! 🙂

Agora senta e se prepara para uma boa e longa leitura!

Supermercados

O mais barato são o Lidl e o Audi. Eles têm produtos ótimos e com um preço MUITO baixo! O Lidl tem temas semanais, como cozinha espanhola, cozinha francesa e eles trazem produtos típicos dos países! Muito bom para variar os pratos eeeee eles tem uma padaria excelente! Tem pão francês (ou o mais perto disso possível), pães com queijo, integrais… delícia!

O Tesco é tipo o Carrefour, preços medianos e variado. Sem mais nem menos!

Daí tem o Super Value, Spar e Eurospar. Eles são supermercados mais caros, mas não absurdamente. Alguns produtos são até os mesmos que os outros…. As comidas congeladas e prontas de qualquer supermercado são boas, diferente do Brasil onde as comidas prontas não são boas.

Por último: Fresh e Marks & Spencers. Eles são os supermercados TOPs. Caros mas com produtos elevados e diferentes. As comidas prontas to M&S são maravilhosas! Pra levar de marmita são super eficientes!

Celulares

A melhor operadora e a mais cara é a Vodafone. A diferença é mesmo a cobertura, mas eu tinha Vodafone e o Hi tinha “Three” e só em poucos lugares ele perdia cobertura.

O Hi teve pós pago quando quis pegar um celular e depois foi para o pré-pago e recomenda o pré-pago, já que ele pagava 20 euros por mês e tinha internet ilimitada! 🙂

Bancos

Os bancos são muito similares, Bank of Ireland, Ulster Bank, AIB e Permanent TSB. Todos cobram uma taxa a menos que você tenha um valor mínimo na conta ou alguma outra regra. Dizem que o Bank of Ireland tem o pior atendimento ao consumidor. O Permanent TSB pedia que você recebesse um mínimo de 1.5K por mês na conta e já isentava as taxas.

Por tanto eu tinha Permanent TSB e tinha um banco chamado N26! Esse banco é demais! Banco alemão, disponível apenas para quem mora na Europa e é 100% online. Me disseram que se parece com o NuBank ou Banco Original. Como eu não estava no Brasil quando esses bancos saíram, eu não sei… mas recomendo MUITO já que a taxa é bem baixa e o aplicativo do banco já é um controle financeiro por si só! Eu amo muito esse banco!

O bom de ter dois bancos é que se der errado o pagamento com um cartão eu usava o outro. Quase nunca acontecia, mas em viagens pode acontecer.

Outra dica legal é o cartão de viagem chamado Revolut. Não cobra taxa e é excelente como cartão pré-pago! Acho que só está disponível para quem mora na Europa também.

Os bancos todos cobram uma taxa de 5 e poucos euros por ano que permitem que você tire dinheiro de qualquer caixa. Isso significa que se você tiver uma conta no AIB, você pode tirar dinheiro de qualquer caixa eletrônico, mesmo sendo Bank of Ireland ou Ulster bank. É uma mão na roda!

Importante: cartão de crédito! Infelizmente você deve fazer um se quiser viajar e alugar carros. Literalmente era a única coisa que nós usávamos o cartão de crédito. Isso pq na Irlanda NENHUM cartão de crédito junta pontos/milhas. Então você paga a anuidade só para ter um limite, mas sem benefícios. Acontece que países como a Alemanha você não pega o carro de jeito nenhum se o motorista não tiver um cartão de crédito – de débito não serve! Já a Irlanda, Itália permite usar o cartão de débito segurando um valor bem alto. Eu recomendo fazer um cartão de crédito no nome de quem geralmente dirige e salvar a dor de cabeça!

Cinema

Pra quem acabou de chegar na cidade e ainda está aprimorando o inglês, ainda não tem muitos amigos e não sabe o que fazer no inverno – leia-se Hirochi e Giovanna nos primeiros meses – ir no cinema é uma solução para todos esses problemas de uma forma divertida e barata!

Eu digo barata pq o Cineworld (é tipo o Cinemark) tem um cartão magnífico que se chama Cineworld Unlimited!

Se você curte cinema, eu recomendo fazer nas primeiras semanas. Você paga 21 euros por mês e assiste quantos filmes você quiser. Cada sessão de cinema custa por volta de 10 euros. Se você for 2+ vezes, o cartão já se pagou! Nós fomos muuuuito ao cinema assistir qualquer coisa e o Hi sempre assista 2 vezes algum filme que ele gostava muito!

Dica: a Irlanda tem uma pipoca como se fosse um salgadinho. Já vem pronta e vende no mercado (tem um Tesco na Henry Street, pertinho do Cineworld) e pode ir com fé que é uma DELÍCIA. No começo nós estranhamos, mas depois só comprávamos essa. Primeiro pq é mesmo MUITO mais barata que a do cinema. Segundo pq a pipoca do cinema não tem manteiga igual no Brasil. Se tivesse iríamos repensar qual comprar!

Outra coisa legal que levávamos para o cinema eram nachos. Comprávamos no Tesco o nacho + molho + refri e levávamos para a sala de cinema. Você vai ver que eles vendem nachos no cine e é BEM mais caro!

Transporte

Nosso transporte de todos os dias eram nossas bikes! Compramos elas em uma loja chamada Rothar que arruma bikes usadas e revende! Foram baratas e velhas mas funcionais. Importante saber que roubo de bike é uma coisa BEM forte em Dublin. Se a sua bike for muito nova ou tiver partes muito boas quase certeza que será roubada em algum momento. As nossas nunca foram mesmo ficando um final de semana todo no centro. Isso pq era beeeem velhinhas e pq tinham um cadeado descente! Vale o investimento.

O que mais rolava era furar o pneu. Aprenda a concertar você mesmo ou então tem uma loja de bike que gostamos e confiamos no centro chamada 2Wheels. Outra também é o Spokesman, o Cathal é um Irish que abriu essa loja ambulante de bike e faz um serviço bom e honesto! Recomendo! O site dele diz onde ele está e quando.

Fora nossas próprias magrelas, tem também as bikes da cidade, chamadas Dublin Bikes. Elas estão por todo o centro, mas infelizmente não vão tão longe quanto eu acho que deveriam. Você paga uma taxa anual de uns 30 euros e pode usar as bikes por 30min de graça e 0.50 centavos cada meia hora a mais. Importante saber: Dublin é pequena, dificilmente você demora mais de 30 min pra chegar em qualquer lugar que tenha DB. A idéia é: pegue a bike, chegue onde vc quer e devolva. Pra ir embora, pegue outra bike e devolva. Assim você geralmente não paga nada.

Baixe o app e verifique onde tem uma estação perto de você E se a estação que você pretende devolver a bike tem vagas livres! Já tivemos que deixar a bike presa na rua cobrando a hora pq não tinha vaga e não tínhamos tempo para procurar outra estação.

Pra quem não é fã de pedalar, ficam as outras opções: Dublin Bus, Luas, Taxis ou andar!

Dublin Bus são bons e em todos os pontos tem o horário que cada ônibus chega. O problema é saber qual ônibus pegar. Os locais dizer: ou você sabe ou não pega. 😦 Eu recomendo usar o google maps e descobrir qual o bus e ponto. Quando você se acostumar e souber o bus, baixe o app do Dublin Bus para ver o horário que seu bus vai chegar. Depois das 12hs só tem alguns night bus e eu não sei bem quais são.

Importante: o Dublin Bus SÓ aceita moedas! Não dá pra pagar o DB com cédulas ou cartão E ainda por cima não dão troco! Ou seja, se sua viagem custa 1,20 e vc deu 2 euros, você vai ganhar um papelzinho com o “troco” que você pode ir na agência do Dublin Bus na O’Connell e pegar seu troco! ¬¬ também acho sacanagem, então tenham isso em mente!

Para ajudar o bilhete único de Dublin se chama Leap Card! Você pode compra um em lojas do Spar se não me engano ou pegar um no site com seu nome e foto. Recomendo pegar um no site se for ficar morar em Dublin pq depois você pode cadastrar o cartão e se você perder você reporta no site e recupera o saldo!

O leap card pode e deve ser usado no bus (vide o uso único de moedas) e no LUAS! O Luas é o metrô de Dublin, exceto que é por cima da terra, então é mais um bondinho! haha São só duas linhas do Luas e elas não se conectam! Isso é motivo de piada pela europa.

De qualquer forma, o Luas, o Bus e o Dublin Bike fecham a meia noite mais ou menos, daí as únicas opções são taxi ou andar! Você não acreditaria que muita gente volta andando pra casa, primeiro pq Dublin é mesmo muito pequena, segundo pq pegar um taxi em um sábado a noite é MUITO chato e difícil! 😦

Sobre os taxis: em Dublin o Uber são taxistas já que a lei não permite pessoas sem licença para taxi serem motoristas de Uber. Isso significa que Uber funciona mais ou menos lá. O app que melhor funciona é o MyTaxi (antigamente Hailo) que seria igual o 99. O taxi não é caro em Dublin. Geralmente uma corrida custa uns 10 euros. Para ter idéia a corrida até o aeroporto custa entre 20 – 25 euros e são uns 30 min de taxi! 🙂 Use e abuse dos taxis.

O Hi e eu fizemos os cálculos se valia a pena ou não comprar um carro usado, já que carros velhos na Irlanda podem custar uns 3K. É bem em conta, mas tem mais coisas que um carro custa: seguro, garagem, manutenção, pedágios, gasolina, carta de motorista, etc… Fazendo os cálculos descobrimos que não valia a pena, mesmo se pegássemos taxi algumas vezes por semana durante o inverno, um pouco menos no verão, alugássemos carros para viajar pela Irlanda E tem um esquema chamado GoCar que você paga 5 euros por mês e pode pegar um carro por tempo determinado e paga por tempo , kilometragem e devolve onde você pegou.

A vantagem é que você não paga gasolina ou pedágio. Vale a pena quando a viagem não é muito longa OU são muitos kilometros. Usamos bastante quando íamos na Ikea, na casa de amigos jantar (eu não fazia questão de beber), visitar Wiklow mountains, ir até o pub Jonny Fox, ir no Lidl mais distante do centro pq é maior.. enfim, tem algumas boas utilidades para ele.

Taxi + aluguél de carro + Go Car + bike = não valia a pena financeiramente comprarmos o carro, então não compramos!

Roupas

Meu primeiro ano na Irlanda foi HORRÍVEL! Eu fiquei deprimida no inverno e só fui descobrir isso no verão. Outra coisa que contribuiu para a minha depressão era o incomodo do frio. Na Irlanda faz frio, ponto final!

Se você mudou para cá, você vai ter que aprender algumas coisas:

  1. O seu corpo vai se acostumar com o frio com o tempo eu prometo! Mas ajuda MUITO comprar roupas certas.
  2. Layers! Nós brasileiros NÃO sabemos como se vestir para o frio. A gente acha que sabe, mas não sabe! Achamos que casacos grandes e quentes são a solução, mas não são! Ou melhor até são, mas só no final. O que eu quero dizer é que todos os lugares na Irlanda são feitos para ficarem quentinhos, ou um forno. Aprenda a colocar uma regatinha por baixo. Depois uma bulsa de manga comprida (só depois! Não deixe de colocar a regatinha, por mais frio que esteja). Coloque um casaquinho leve, depois uma blusa de lã bem quente e depois o casaco quente. Isso vai permitir que você fique quentinha na rua, mas que fique confortável em qualquer lugar que entrar. Tirar e colocar as roupas o tempo todo vai fazer parte da sua rotina, acostume-se! 🙂
  3.   Compre o casaco e as botas de marca! Você vai conhecer um lugar chamado Penney’s e essa loja vai ser o lugar que você mais vai visitar em Dublin (recomendo muito as meias) mas NÃO compre o casaco e as botas lá! Esses itens vão fazer a diferença entre você estar quentinha e confortável ou fria e miserável! 😦
  4. Desista do guarda-chuva! Compre um bom casaco a prova d’agua da North Face ou qualquer outra marca de esportes COM CAPUZ eu encare a chuva! A chuva na Irlanda geralmente é fininha, constante e horizontal por causa do vento. Se quiser desperdiçar seu dinheiro com guarda-chuvas que vão quebrar por causa do ventoe ainda assim se molhar, vá em frente. Mas depois não vai dizer que não avisei!
  5. Esqueça usar diversos casacos e sapatos para ficar bonita, combinar com o look ou variar. A menos que você tenha um carro, você vai usar o seu casaco a prova d’agua 360 dias do ano (vou dar 5 dias sem chuva e com sol estável). Claro que se você tiver dinheiro pra comprar vários casacos de marca você pode combinar, senão, eu recomendo preto! 🙂
  6. Última dica: tem uma calça chamada Velvet na Penney’s que aparece todo inverno. Essa calça tem o poder de te cozinhar! Se você é MUITO friorenta, recomendo comprar uma dessas e testar!

Aeroporto & Viagens

Como chegar no aeroporto?

Taxi – 20 a 25 euros do centro de Dublin e 30 min.

Dublin Bus – 16 passa no centro e custa uns 2,50 euros mais ou menos demora um pouco mais de 1h.

Aerlink bus – melhor opção na minha opinião. 747 e 757 são os ônibus que passam no centro mas param menos que o 16. Custa 6euros cada trecho, mas você pode comprar ida e volta por 10 euros no bus.

Dá pra checar os horários do bus (16, 747 e 757) no app Dublin Bus e site. Veja que nenhum deles começa MUITO cedo, por tanto quando você tiver aquele voo as 6 da manhã no sábado, já saiba que vai ter que ir de taxi!

Existem companhias aéreas chamadas low cost e são tipo a Gol e Azul. Geralmente viajamos com elas por serem muito mais baratas. As mais usadas em Dublin: Ryanair, Aerlingus e Easyjet. Pra ser sincera, basicamente são as duas primeiras.

Pra achar o voos mais baratos, eu uso muuuuito o site da Skyscanner e coloco o destino como “everywhere”. O site dá os lugares mais baratos para viajar nas datas selecionadas! Dá inclusive para criar um alerta para a viagem escolhida e você recebe emails quando tem alteração no valor das passagens! Legal né?

Coisas importantes para saber com a Ryanair/aeroportos:

  1. Você SEMPRE precisa fazer o check in online e imprimir a passagem, caso contrário eles te cobrar 50 euros para fazer o checkin na hora.
  2. Se você só tem o passaporte brasileiro, você SEMPRE precisa ir até o checkin da Ryanair e pegar um carimbo na sua passagem. Para europeus não precisa, mas com o passaporte brasileiro, sem esse carimbo você não embarca!
  3. É MUITO comum viajarmos pela europa só com a mala de mão, já que as companhias low costs NÃO incluem despache de nenhuma mala. Se quiser despachar, você deve pagar por peso e aconselho a comprar online que é mais barato. Na real, eu aconselho mesmo é a ir só com a mala de mão! Com o tempo você aprende a fazer a mala!
  4. A mala de mão tem que ser de uma medida certa, cabin size e pesar no máximo 10kg. As vezes eles são flexíveis e fazem vista grossa, mas as vezes no portão de embarque eles fazem você encaixar a mala naqueles moldes e se não couber você paga para despachar. O mesmo acontece com o peso, mas menos frequente. A vantagem da mala de mão é que você não precisa esperar a mala chegar!

Em todos os aeroportos você vai precisar tirar seu líquidos no raio-X. Os líquidos deve estar em um ziploc transparente, no máximo 10 potinhos com líquidos com 100ml no máximo cada um. Se seu creme de 500ml só tem um dedinho de creme não vai passar! A embalagem tem que ter até 100ml. Todas as farmácias da europa vendem essas coisas líquidas em embalagens para viagem com menos de 100ml. Você acha até John Frieda e outras marcas ótimas em tamanho para viagem.

Dica boa: se estiver indo pra França, Itália, Portugal e quiser trazer uns vinhos, queijos e tal. Já vai com isso em mente, leva uma mochila dentro da mala de mão e despacha a mala de mão com vinhos e etc e traz as suas coisas na mochila! Fazemos isso sempre! 🙂

Dica bizarra da Gi: queijos moles eles também pegam. Nem sempre, mas pode acontecer. Se for comprar queijo, compre queijo duro e seco. Nada de brie, camembert, etc!

Localização & restaurantes

A cidade é dividida entre norte e sul pelo rio que se chama Liffey River. Sendo o lado Sul o lado mais rico da cidade e o norte o mais pobre. Isso ajuda a entender as lojas e moradias. Claro que tem lugares que são excessões, mas dá uma boa idéia.

No lado Sul fica o famoso Temple Bar! Seria a Vila Madalena de SP, com os bares mais badalados e turísticos. A cerveja é um pouco mais cara, mas quem mora em Dublin sempre volta lá para levar os visitantes.

No Temple Bar, tem algumas coisas que eu gosto muito:

  1. Old StoreHouse: é um restaurante e bar que toca música Irlandesa e tem excelente comida local por um preço razoável. Recomendo todos os pratos e uma boa Guinness no andar de baixo!
  2. Bunsen: meu hamburger FAVORITO da cidade toda! Todo mundo que eu levei amou! As batatas fritas (shoestrings) e a batata doce frita são maravilhosas e o milkshake de chocolate…. é perfeito! Não recomendo refrigerante pq eles não tem gelo então fica quente rápido.
  3. Mongolian BBQ: é um restaurate barato e delicioso. É igual o Tantra em SP, mas barato! 🙂 Você escolhe os vegetais crus, carne, temperos e eles cozinham tudo na chapa na hora. Só cuidado qualquer coisa que tenha pimenta pq é sempre bem forte!
  4. Saturday organic market: todos os sábados no meio do temple bar tem um mercado de comida local e orgânica, é delicioso! Dá para almoçar lá e eu recomendo fortemente uma barraquinha de queijos! São todos produzidos pelo casal e são todos incríveis! Tem também a barraca de vegetais e iogurtes e a barraca de produtos italianos e finalmente a de pães… tudo lá é maravilhoso!

Ainda no lado Sul, tem a Grafton Street que é como se fosse a Oscar Freire, a Trinity College que é como a USP e o Stephens Greens que seria o Ibirapuera!

Na Grafton vale a pena caminhar sempre pq rola muita música na rua e ela termina no Stephens Greens park e mall. O shopping não é lá grande coisa, mas tem uma arquiteture bonita dentro e uma loja chamada TK Maxx que é uma loja MUITO boa para comprar roupas e coisas já que é uma ponta de estoque para coisas de marca. Tipo a jaqueta da North Face? Dá pra encontrar lá. Bons sapatos e coisas pra casa!

O Stephens Greens é junto com o Marion Square os parques mais badalados da cidade! O que eu mais gosto neles é que tem sempre algo rolando e as flores são replantadas toda hora, então eles são sempre bonitos de visitar. Em dias de sol é o point de todos os brasileiros que ficam sentados na grana curtindo o sol.

O post já está longo e eu cansada… eu continuo depois, mas já tem bastante leitura! 🙂

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s